h1

Tempo

28 de outubro de 2012

Hoje não,

é muito cedo.

Amanhã talvez,

quando vencer o medo.

 

O ontem acabou,

mas deixou saudade.

O futuro já chegou,

promessa de verdade.

 

O tempo acabou

e já recomeçou.

É ciclo que não para,

na felicidade dispara.

 

Se ontem era Carnaval,

relógio acelerou.

Amanhã já é Natal,

o ponteiro não parou.

 

Todos querem correr

para ao Tempo acompanharem.

Não quero morrer

deixando o Tempo e o amor passarem.

 

Raphael Granucci Pequeno

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: