h1

Tanto mar

11 de outubro de 2012

Ele crê no amor

e para amar vive.

Ama livre

e ama por inteiro.

Não importa o que lhe foi feito

traz aberto o seu peito,

morada de uma nova paixão

que é a cura de uma desilusão.

 

Segue em frente,

como se não fraquejasse.

Às vezes seu coração mente

para que ele possa seguir

enquanto vê um velho amor partir.

 

Olha-se no espelho

e vê:

a vida continua.

Só pode, então, crer

que a felicidade está na rua

pronta para ser achada,

em meio a tudo que é tão nada.

 

Tanto mar

e tanto para amar.

 

Raphael Granucci Pequeno

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: