h1

O pesadelo

10 de agosto de 2012

Noite passada sonhei

que voltava ao meu passado.

 

Voltava ao que eu fui,

vivi e era.

 

Mas tudo era diferente.

 

Ruínas de uma existência,

e ao mesmo  era uma festa

de rostos desconhecidos.

 

Todos se cumprimentavam,

e curtiam a vista,

mas eu sentia a falta

do que eu conhecia,

ou ainda

do que eu esperava

encontrar ali

e não encontrei.

 

Não havia mais lugar para mim

e meus sonhos e meus amores e minhas saudades.

 

Obrigando-me a viver no presente

e apenas temer o futuro.

 

É muito ruim viver sem ter para onde fugir.

Um abraço quente,

um beijo na testa,

uma palavra de quem tudo sabe.

 

Acordei de meu sono,

mas não do meu pesadelo.

 

Raphael Granucci Pequeno

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: