h1

Singela homenagem a Fernanda Young.

11 de outubro de 2011

Usar de palavras e versos

Para homenagear uma escritora,

Que por vezes é transgressora,

Pode soar como o inverso.

 

Até mesmo pretensão

De dizer o nunca dito,

Fazer rimas me deixa aflito

Por medo de parecer atuação.

 

É sempre difícil falar pra quem

Sempre falou por mim.

Com meu carinho, tento ir além

Oferecendo-lhe meu jardim.

 

Em papel branco coloco o sentimento

Para a mulher que me ensinou a dizer.

Então perdoe meu atrevimento,

Pois falando não paro de tremer.

 

Agradeço por cada parágrafo

Que fala por meu coração ágrafo.

Agradeço pela coragem,

Sua e de cada personagem.

Agradeço sua existência,

Trazida a mim por sua eloquência.

 

Mas para meu amor e carinho

Não há rima que expresse.

E assim termino esse pretensioso poema

Que tem minha admiração por você como tema.

 

Autógrafo da Fernanda Young com dedicatória

One comment

  1. Parabéns! Foi muito emocionante sua aventura no programa da Fernanda Young, e olha que eu sei pelo que me contou. Imagino a emoção na hora!



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: